7 de mar de 2013

David Bowie: The Next Day (2013)


http://netkups.com/?d=01cd5f0ecc0a3

Há tempos que não publico neste blog, sei disso, o tempo de dedicação ao trabalho, games, esposa, casa... tudo isso demanda tempo, e o meu "hobby" acabou ficando vários planos atrás. Eis que nos últimos dias, tive um grande motivo. David Bowie, o camaleão do rock de volta e com a corda toda. Espero que gostem o tanto quanto eu.

Após 10 anos de dormência, um gigante desperta. Tal como um mensageiro especial (ou espacial) que vem até nós, meros mortais, trazer uma mensagem nova. David Bowie é esta entidade que nos visita quando lhe é sempre conveniente. As caras, cabelos, roupas e vozes, podem ser múltiplas, mas a essência é sempre a mesma.

O novíssimo disco "The Next Day", foi gravado totalmente em segredo, algo interessante para os dias de hoje, quando informações vão e vem em frações de segundos, sendo compartilhadas até mesmo com pessoas que nunca ouviram falar do Camaleão do Rock. A produção do disco ficou ao cargo do antigo parceiro Tony Visconti.

The Next Day soou pra mim como aquela brincadeira da "cápsula do tempo", em que um grupo de amigos resolve colocar dentro da tal cápsula, mensagens, fotos e coisas, para serem revistas em um futuro não tão próximo. Esse disco é assim, uma espécie de coletânea de músicas feitas em certos momentos da carreira de Bowie e que soam como se fossem da época (tipo, tiradas diretamente de discos como "Lodger", "Heroes", "Low", "Scary Monsters"), porém com o tratamento digital. Talvez seja por essa ligação com os melhores momentos da carreira dele que fazem The Next Day estar sendo tão celebrado pela crítica. Antes que pensem que Bowie está fazendo "cover" dele mesmo, garanto de antemão que isso é um equívoco.

Quando soube da volta do Bowie, fiquei muito alegre e ao mesmo tempo curioso por conta do tal trabalho feito em "segredo". Pra completar eu vi a "capa", uma referência direta ao seu disco mais célebre "Heroes", porém com o nome taxado e com um quadrado "bem amador" (porém não menos criativo) com o nome "The Next Day". Acho interessante como Bowie brinca com a sua imagem, eu não me refiro ao cabelo e roupas, e sim, às artes que envolvem ele. Ele deliberadamente muda, desfaz, vira meio-homem meio-cão, põe raio, tira raio...  agora taxa e cobre como se fosse um cartaz.

O single "Where are we now" foi anunciado e com direito a clipe foi uma canção que me conquistou de cara. Bem calma e bastante contemplativa. Eu vi a letra, e percebi que se trata de uma revisitação aos tempos em que Bowie foi  meio germânico, fazendo shows para meninas de 13 anos de cabelos vermelhos.

"She Stars (are out tonight)" já é um Bowie passional, que canta com certa pressa, como quem procura algo. Canção estilão anos 80. Não sei se é impressão minha, mas a letra seria alguma referência às aventuras de Major Tom de "Space Oddity", porém contempladas por um terráqueo com os olhos para o céu?



Clipe de "The Stars (are out tonight)" com direito a um clone no visual "Low"

"Valentine's Day" é daquelas baladas especiais que quando eu ouvi tive a impressão de ele estar acompanhado da clássica banda "Spiders from Mars", direito as guitarras cortantes do saudoso Mike Ronsom. Nesta canção, Bowie revisitou o vocal do eterno Ziggy Stardust e causou arrepios neste que vos fala.

"If You can see me" soa como uma fusão entre a fase dos discos "Lodger" e o eletrônico "Earthling" (anos 90, e Bowie percebeu que Chemical Brothers e Prodigy estavam fazendo algo "interessante").

Neste disco Bowie mais uma vez faz bom uso da "plasticidade" da sua voz em canções como "Dirty boys" e "I'd rather be high".

Segundo informações, o produtor Tony Visconti disse que sobrou material que ainda pode ser utlizado, será  que teremos "Outro dia" na vida de Bowie e na história do rock? 

O jeito é ficar de "Dedos cruzados/ só para garantir" Fingers are crossed/ Just in case.

Caso contrário, Bowie já nos presenteou com um novo clássico em pleno "anos 10", quando eu acreditava não haver mais espaço ou chance para o rock trazer algo especial. Eis que ele nos deixa o que poder ser o seu "canto dos cisnes"

abraço a todos

NOTA:

10


0 comentários:

Related Posts with Thumbnails